• Dia Mundial da Cruz Vermelha e Crescente Vermelho
Luis Paiva

Luis Paiva

%PM, %11 %650 %2020 %15:%Ago.

#Juntos Por Beirute

 

 COVER FB 851x315px 06911

 

 

Apelo de Emergência

CRUZ VERMELHA LANÇA APELO: #JUNTOS POR BEIRUTE

Cruz Vermelha lança apelo:  #JUNTOSPORBEIRUTE
Entre os dias  11 de Agosto e 10 de Setembro, 2020, a Cruz Vermelha Portuguesa está a recolher donativos monetários para apoiar os sobreviventes da explosão em Beirute. 
A Cruz Vermelha Libanesa já está a promover alojamento de emergência a cerca de 1.000 famílias e prevê alojar até 10.000 famílias nas próximas semanas.
Voluntários treinados e colaboradores estão a disponibilizar apoio psicossocial aos sobreviventes e a potenciar os contactos entre familiares, através do Programa de Restabelecimento de Laços Familiares.
Neste sentido, no seguimento do apelo lançado pela Cruz Vermelha Internacional, a Cruz Vermelha Portuguesa associa-se a esta iniciativa através de recolha de donativos monetários a serem enviados para Beirute.
Os donativos podem ser feitos por transferência [IBAN - PT50 0010 0000 3631 9110 0017 4], Multibanco ou netbanking [entidade: 20999, referência 999 999 999] MBway [918391794] ou Paypal [no botão DOAR no site oficial, facebook ou instagram].
Consulte aqui o apelo oficial da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e Crescente Vermelho,

Formas de fazer o seu donativo

 Os donativos podem ser feitos por:
Transferência - IBAN - PT50 0010 0000 3631 9110 0017 4
Multibanco ou netbanking  - entidade: 20999, referência 999 999 999
MBway - 918391794
Paypal [no botão DOAR no site oficial, facebook ou instagram].

Contactos

Gabinete de Comunicação e Marketing, Sede nacional da Cruz Vermelha Portuguesa

 

    •  Comunicação

Joana Pinheiro |213 913 922 | 918 391 794 

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 



    • Marketing

Marlene Pais | 213 913 950 | 910 045 610 

 Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

 

 

 

 

 

 

p ITA1603 SITe f0a37

 

Enquadramento

 A Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), em estreita relação com o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e demais Instituições do Sector Social, recebeu, recentemente, 25 menores refugiados oriundos de Campos de Refugiados na Grécia.

Psicólogos, Assistentes Sociais e Técnicos/monitores, seleccionados no seguimento de uma oferta pública lançada pela CVP para a constituiçaõ da equipa multidisciplinar que viria acompanhar estes menores, passaram por um processo formativo exigente, no sentido da sua capacitação técnica e fortalecimento psicossocial.

À sua chegada, os jovens refugiados passaram por um procedimento de triagem COVID, bem como uma avaliação básica de saúde e estão instalados na casa de acolhimento da Cruz Vermelha Portuguesa, em Lisboa. Estima-se que o tempo de estadia neste centro não ultrapasse os 6 meses, período de tempo que se considerou para a estabilização do processo individual e identificação da medida cautelar posterior enquadrada no circuito normal de acolhimento de pessoas refugiadas onde, naturalmente, poderá vir a estar incluída a possibilidade a famílias de acolhimento.  

São escassos os pormenores sobre a vida, o contexto e as ligações familiares destes menores. Sabe-se, apenas, que na sua grande maioria encontram-se numa faixa etária muito próxima da idade adulta pelo que, o trabalho da equipa técnica terá particular enfoque no planeamento do seu projecto de vida futura e autonomização.   

Segundo Joana Rodrigues, responsável pela área dos Migrantes e Refugiados da Cruz Vermelha Portuguesa, “este projecto é diferenciador pela possibilidade de transferir em simultâneo um grupo alargado de menores e trabalhar de forma consertada, em articulação com várias organizações de referência, para o seu desenvolvimento psicossocial e inclusão na comunidade. Estamos inteiramente confiantes nesta equipa de trabalho que inclui técnicos com uma experiência ímpar no trabalho com grupos vulneráveis, vivências profissionais em campos de refugiados e competência linguísticas avançadas em árabe e turco. A diversidade de formação técnica e experiência desta equipa deixa-nos particularmente confortáveis ." 

Portugal disponibilizou-se a acolher cerca de 500 jovens, sendo que até ao final do ano prevê-se a chegada de 250 menores.

 

Donativos

Entidade Doação para o Centro de Acolhimento de Lisboa
Comité Olímpico de Portugal Bicicletas e restante equipamento
Delta 2 Micro-Ondas
El Corte Ingles Roupa de cama, atoalhados, items para cozinha
Federação Portuguesa de Futebol Equipamentos da seleção e bolas oficiais
Ikea 3.000 €
Inditex Roupa de cama, items para cozinha e sweats
Mercadona Produtos de higiene e alimentares
Sacoor Roupa
Sonae MC Roupa
Vilt Group 5.000 €

 

 

%PM, %27 %592 %2020 %14:%maio

Conselho Supremo

Conselho Supremo

%PM, %27 %591 %2020 %14:%maio

Conselho Fiscal

Conselho Fiscal

%PM, %20 %716 %2020 %16:%Mar.

#Eu Ajudo Quem Ajuda

 banner

 

 

Escolha a forma mais simples de fazer o seu donativo. 

 

                

 Imagem18

mbway ser copy copy copy copyBotão Doar copy     mb       net bank copy

 

 

 

Veja o trabalho da Cruz Vermelha no quadro do controlo da Pandemia

 2 copy copy copy copy copy copy

Imagem1 copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy

 

 4 copy

 JCV COVID 7597b

Saiba. ao pormenor, a intervenção da Cruz Vermelha Portuguesa no quadro do controlo da Pandemia.

Materiais de Comunicação

Veja  aqui → conselhos, orientações e entrevistas

Rúbrica diária, Francisco George esclarece dúvidas em 2 minutos, na Antena 1

 

Dia 09 de Abril, 2020 | Possível segunda onda de contágio do COVID 

Dia 08 de Abril, 2020 | Necessidade ou não de testar as pessoas assintomáticas?

Dia 07 de Abril, 2020 | Afinal, quem deve ser testado?

Dia 06 de Abril, 2020 | Sobre os testes para detetar o coronavírus

Dia 03 de Abril, 2020 | Quais os cuidados a ter com pessoas que já tiveram Covid ?

Dia 02 de Abril, 2020 | Devemos ingerir algum tipo de alimentos para fortalecer o nosso sistema imunitário ?

Dia 01 de Abril, 2020 | Com os animais de quinta e de estimação, quais as preocupações a ter caso os donos tenham COVID ?

Dia 31 de Março, 2020 | Para as pessoas que têm cães ou gatos em casa, que cuidado devemos ter ?

Dia 30 de Março, 2020 | Em fase de mitigação, devemos usar máscara quando saímos à rua ?

 

Acompanhe as nossas notícias:

  1. sexta-feira, 20 março 2020 18:23 | #Eu Ajudo Quem Ajuda, unidos contra o COVID-19 
  2. Segunda-feira, 23 março 2020 15:45 | Saiba quais as primeiras entidades que se associaram ao #Eu Ajudo Quem Ajuda
  3. quarta-feira, 25 março 2020 19:22 | Aos colaboradores e voluntários, obrigado pelo esforço diário
  4. quinta-feira, 26 março 2020 16:24 | Sistema inovador de triagem "smart" para suspeitos com COVID no Hospital da Cruz Vermelha 
  5. quinta-feira, 26 março 2020 19:56 | A agência Normajean é já um exemplo de Responsabilidade Social
  6. terça-feira, 31 março 2020 10:16 | Diário de bem-estar para adolescentes em período de quarentena 
  7. terça-feira, 31 março 2020 15:25 | Actuaizaçãp de meios mobilizados da CVP no controlo da Pandemia 
  8. terça-feira, 31 março 2020 16:24 | Altice Portugal associou-se ao movimento #Eu Ajudo Quem Ajuda
  9. quarta-feira, 01 abril 2020 19:08 | Cruz Vermelha garante teste COVID para os Agentes de Proteção Civil

Apoios

  1. 10 000€ Presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal, Eduardo Oliveira e Sousa, foi o primeiro a associar-se a esta Campanha, tendo, assim, iniciado a movimentação da conta bancária com o montante de 10.000€, doados a título pessoal.

  2. A agência Lola - Normajean associou-se, desde início ao Movimento, criando todos os materiais da campanha pro bono.

  3. A cadeia Pingo Doce anunciou apoio financeiro para permitir instalação de um sistema inovador “Triagem Smart” no Hospital da Cruz Vermelha. Esta operação será desenvolvida pela empresa portuguesa Biosurfit.

  4. Cadeia de Hotéis Selina disponibilizou gratuitamente quartos para Técnicos de Saúde. Médicos e enfermeiros do Hospital da Cruz Vermelha, por protecção dos seus familiares, estão já instalados em alguns destes quartos.

  5. BP disponibilizou combustível para as ambulâncias de Socorro dedicadas ao COVID-19. A entidade, já parceira da Cruz Vermelha Portuguesa, associou-se ao movimento #Eu Apoio Quem Ajuda atribuindo um plafond de 18 mil € em combustível

  6. A Mercedes-Benz. IO disponibilizou-se para criar, desenvolver e implementar uma Aplicação para a gestão do processo de triagem Smart  COVID no Hospital da Cruz Vermelha;

  7. A Amazon disponibilizou gratuitamente serviços de hosting provider para a app triagem smart para a Aplicação acima referida (valor estimado de 30 000€);

  8. A Junta de Freguesia de S. Domingos de Benfica disponibilizou-se a apoiar o Serviço de Segurança da Unidade de modular hospitalar, no HCV;

  9. A Altice disponibilizou apoio tecnologico para o Sistema de triagem smart através de dispositivos moveis (6 tablets Samsung) e implementação de rede de internet 4G na Unidade de campanha hospitalar, com tráfego ilimitado;

  10. A Critical Software e o Grupo Metal – Apametal, disponibilizaram, respectiva e gratuitamente, 350 viseiras para complemento ao Equipamento de Protecção Individual dos Técnicos de Saúde envolvidos no controlo da Pandemia;

  11. A Staples Portugal disponibilizou material logístico, nomeadamente, uma plastificadora e material para impressão; 

  12. A Amway, além de um donativo monetário fez marketing de causa, doando 1€ por cada venda de produto, até 20 de Abril;

  13. A PetMaxi, além de um donativo de 7 000€ fez “marketing de causa”, doando 5% do valor de cada venda de produto, entre 06 de Abril e 30 de Maio, que resultou no valor de

    6.542,62 €;

  14. A Rações Zêzere, SA fez um donativo no valor de 10 000€;

  15. A marca António Maçanita Winemaker associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 50% do valor de lucro de cada venda online, nas várias gamas da marca, nomeadamente, Fitapreta, Maçanita Vinhos, Azores Wine Company  e Sexy Wines;

  16. A Mobiserra fez um donativo de 2 500€;

  17. A Márcio Lopes Winemaker associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 10€ por cada caixa de vinho vendida pelos parceiros, tendo já entregue por campanha de um mês, 1 020€

  18. A Jaguar Land Rover cedeu, durante o período crítico, duas viaturas Discovery Sport;

  19. A Mitsubishi Motors e Fuso cedeu, durante o período crítico, seis viaturas (ASX 1.6 DI-D Instyle Connect; Eclipse Cross 1.5 Instyle MT; 3.L200 4WD CC; L200 4WD; 5.Canter 3.5T Box; Outlander Kaiteki (SUV 7 Lug) e Canter 7.5T com contentor de frio)

  20. A Ford cedeu, durante o período crítico, dez viaturas (Puma ST-Line X 1.0 EcoBoost 155cv; Puma 1.0 Ecoboost 125cv; Focus Active SW; Focus 5p;  Galaxy [7 lugares]; Focus SW Active; Mondeo SW; Ranger Raptor; Puma ST-Line;  Kuga Titanium);

  21. A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias patrocinou a aquisição de um ventilador para o Hospital da Cruz Vermelha;

  22. A Procter & Gamble Company, além do donativo monetário de 250 mil euros, disponibilizou 38 mil produtos para Kits de higiene, doados aos Técnicos de Saúde (no valor de 300 mil euros), ofereceu espaço publicitário nos canais generalistas e vai doar máscaras, 500 litros de desinfectante por semana e lixívia para higienização de espaços.

  23. A Torfal fez um donativo monetário no valor de mil euros e cedeu 100 escapulários da Cruz Vermelha para identificação dos voluntários nas Unidades de Testes COVID;

  24. A Workview cedeu, temporariamente, uma Unidade Móvel de Saúde com dois consultórios;

  25. A Wolkswagen/ Santagri e SIVA cedeu, durante o período crítico, seis viaturas do modelo Caravelle Confortline 2.0TDI 102cv;

  26. A Extincêndios cedeu 7 strobs (luzes de emergência) para tablier das viaturas;

  27. A Vendap cedeu, por um período de 30 dias, instalações sanitárias (atrelado Premier 2+1 (Milennio 2) 1 30 P, cor verde;

  28. A farmacêutica Takeda fez um donativo monetário de 20 mil euros;

  29. A Paypal associou-se ao Movimento disponibilizando a sua plataforma para angariação de fundos, https://www.paypal.com/fundraiser/113439917469716786

  30. A Caixa Geral de Depósitos fez um donativo monetário de 10 mil euros;

  31. A Welcome Art associou-se à iniciativa através da iniciativa “40 artistas, 40 obras, 40 formas de ajudar", que envolve uma exposição de arte, doando 10% do valor de cada venda online. Começa no dia 14 e tem a duração de um mês.

  32. A SIBS cedeu o espaço "Ser Solidário" da sua rede, disponível nos CA Multibanco e no serviço MB Way;

  33. O El Corte Inglês associou-se à campanha através de marketing corporativo através da promoção de cartões solidários no valor de 3€/cada. A CVP é uma das três entidades beneficiárias.

  34. A Gnosies 70% do valor das receitas do momento formativo serão revertidos como donativos para a vossa Instituição;

  35. A Critical Software fez um donativo em espécie de 350 viseiras;

  36. A Staples Portugal associou-se ao movimento através da doação de material logístico necessário ao funcionamento da Unidade de triagem Smart, nomeadamente, uma Plastificadora e material para impressão;

  37. O Grupo Metal – Apametal fez um donativo em espécie de 350 viseiras;

  38. A Fundação Kiabi fez um donativo monetário no valor de 5 000 €;

  39. A Equivaleza associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 3€ por cada produto vendido online, a campanha decorre até 30 de Junho;

  40. A Volvo Cars cedeu, durante o período crítico, três viaturas (Volvo Xc40 t3, Volvo XC40 d3 e Volvo V60);

  41. A Morgado do Quintão associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 1€ por cada produto vendido online, a campanha decorre por 6 meses;

  42. A Editora RH associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 5% das vendas totais do mês de Abril;

  43. A Sogrape, além de um donativo em espécie de 1 000 litros de desinfectante, associou-se à campanha através da iniciativa “Só, mas bem acompanhado”. Durante os três dias de concertos solidários foi feito o apelo à angariação de fundos que se prolongou durante a semana seguinte.

  44. Elena Aldana, Directora Geral da Mercadona, fez um donativo monetário, a título pessoal, no valor de 1 000€;

  45. A Mercadona fez um donativo em espécie de 20 paletes de produtos alimentícios;

  46. A 3dlife fez um donativo em espécie de 500 viseiras;

  47. A Takeda fez um donativo monetário no valor de 20 000€;

  48. A Colgate-Palmolive fez um donativo em espécie de 40 paletes de produtos de higiene;

  49. A Sogevinus além de um donativo monetário de 5 000€ associou através de uma campanha de crowfunding;

  50. A Nissan cedeu, durante o período crítico, três viaturas (X-Trail (Classe 2), Leaf – 2, micra -2, juke – 4, qashqai – 2, leaf 40kwh – 8, leaf e+ 62kwh – 1, e-nv200 – 1, nv250 - 1);

  51. A AT&S cedeu dois cacifos de carregamento de telemóveis para a Unidade de Testes COVID;

  52. A Nestlé, além de um donativo monetário no valor de 100 000€, cedeu uma esplanada para a Unidade de testes COVID e café;

  53. A Destilaria Levira associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 10€ por cada garrafa vendida;

  54. A Henkel fez um donativo em espécie através de produtos da marca;

  55. A SEAT cedeu, durante o período crítico, dez viaturas (seat ibiza 1.6 DT);

  56. A Plataforma online Harpoon.Jobs associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando a totalidade das vendas de Abril;

  57. A Izidoro fez um donativo em espécie através de produtos da marca;

  58. A Mars, além de um donativo monetário no valor de 5 000€, doou produtos da marca;

  59. A Playmobil associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando a totalidade das vendas dos bonecos que criou para o efeito, entre 9 de abril a 9 de maio;

  60. A Royal Canin fez um donativo monetário no valor de 9 000 € e promoveu uma campanha interna de crowfunding;

  61. A Comissão Vitivinícola Regional Alentejana fez um donativo monetário de 1 500€;

  62. A Danone e Fundação Danoners associou-se através de uma promoveu uma campanha interna de crowfunding;

  63. A Strong Charon cedeu 6 detetores volumétricos sem fios para o exterior das Unidades de triagem COVID ;

  64. A CTT associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 50% do valor da venda de postais online, de 24 de abril a 31 de maio;

  65. A Air Liquide fez um donativo monetário no valor de 4 000 € e promoveu uma campanha interna de crowfunding;

  66. A Biogen fez um donativo monetário no valor de 21 929 €;

  67. A Eat This HealtyFoods associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 1€ por cada venda, até dia 15 de maio;

  68. A AMGEN fez um donativo monetário no valor de 27 658 €;

  69. A ACCENTURE promoveu uma campanha interna de crowfunding que resultou num donativo monetário no valor de 28 050,15 €; 

  70. A Mais Iogurte associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 1€ por cada venda;

  71. A INL fez um donativo em espécie de 900 viseiras;

  72. A Perfumaria Douglas fez um donativo em espécie de 300 cremes de mãos e promoveu uma campanha interna de crowfunding;

  73. A Rolex Portugal associou-se à causa através de um donativo monetário no valor de 250 000€;

  74. A Zurich e Z Zurich Foundation fizeram um donativo monetário de mais de 400 000€;

  75. The Coca-Cola Foundation associou-se à campanha através de um donativo monetário - Veja aqui o relatório completo. 

  76. A Adamus associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 10€ por cada venda, até dia 30 de Abril, resultando num donativo monetário de 770€;

  77. A Empresa de formação Gnosies associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 70% do valor das receitas do Webinar “Um Momento de Reflexão: Da Formação ao Futebol Profissional”, a decorrer a 29 de Abril, que resultou num donativo monetário no valor de 1808,80€. Esta iniciativa contou com a colaboração de Luís Castro (Técnico do Shakhtar Donetsk) e Renato Paiva (Técnico do Benfica B);

  78. A Adega Cooperativa da Vidigueira além de um donativo de 300 litros de gel desinfectante, vai fazer “marketing de causa” doando 1 litro de Gel, por cada pack de vinho vendido até 04 de Junho, 2020. 

  79. O Centro Dr. Bernard Caparica associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando valor das receitas angariadas na iniciativa “Welness Festival” que promove aulas online no facebook entre os dias 30 de Abril e 03 de Maio.

  80. A Bristol Myers Squibb associou-se através de uma campanha interna de crowfunding;

  81. Os CTT associaram-se à campanha através domarketing de causa”, doando0,50€ dos postais personalizados e disponibilizando o upload de uma foto da colecção “Cruz Vermelha Portuguesa” como forma de homenagem a todos os que estão no terreno.

  82. O Grupo Dia associou-se à campanha doando mais de 14 000 caixas de produtos alimentares.

  83. O Iscte Junior Consulting associou-se à campanha através da cedência de serviços de consultoria e marketing. 

  84. Bernardino Carneiro, Administrador da Riopele - Têxteis, SA, fez um donativo monetário, a título pessoal, no valor de 1 000€;

  85. Maxim Gavrilov, fez um donativo monetário, a título pessoal, no valor de 50 000€;

  86. O Sr. Padre Agostinho da Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus – Dehonianos associou-se à campanha através de um donativo monetário, a título pessoal, no valor de 5 000 €; A Roche Farmacêutica fez um donativo monetário de 5 000€;

  87. A Brand Delicious associou-se à campanha através de um leilão solidário que decorreu entre os dias 3 e 31 de maio, de onde resultou a quantia de 7 941€;

  88. A Think Out associou-se à campanha através domarketing de causa”, doando 25% das vendas decorridas entre 01 e 31 de maio, resultando num donativo monetário de 78€;

  89. A Coviran associou-se à campanha através de uma iniciativa de recolha de alimentos, entre os dias 11 e 17 de maio, que resultou em cerca de 2,7 toneladas;

  90. A Matoplas associou-se à campanha através domarketing de causa”, resultando num donativo monetário de 1 410€;

  91. A Avis cedeu, durante o período crítico, doze viaturas;

  92. A AEAS fez um donativo de 411 900 €;

  93. Licor Beirão fez donativo em espécie de 1 000 litros de gel desinfectante, no valor de 4 770€;

  94. A Unilever fez um donativo em espécie de produtos de higiene para a Estrutura do Seixal da CVP;

  95. A Gilead fez um donativo monetário de 5 000€;

  96. A Dreambooks associou-se à campanha através domarketing de causa”, resultando num donativo monetário de 1 410€;

  97. A Dreambooks associou-se à campanha através domarketing de causa”, resultando num donativo monetário de 1 710€;

  98. A Phillips fez um donativo monetário de 10 000€;

  99. A Licht Retro associou-se à campanha através do “marketing de causa”, resultando num donativo monetário de 470€;

 Nunca desistir

"Nunca desistir” deu mote à iniciativa de solidariedade promovida pela Fundação Laps e Indepent Ideia, que se destina a ajudar as famílias afectadas pela Pandemia, com o apoio da Cruz Vermelha Portuguesa e da Rede de Emergência Alimentar.

 

Ao longo de quase um mês muitas foram as personalidades da sociedade portuguesa que deram o rosto por esta causa. Cristiano Ronaldo juntou-se à iniciativa, tendo já participado no “never give up”,  em Itália.  Nomes sonantes como Manuel Luís Goucha, Pedro Teixeira, Fátima Lopes, Marta Botelho, Cláudio Ramos, Fernanda Serrano, Miguel Oliveira, André Villas Boas, João Félix, Luís Represas, Joaquim de Almeida, Sara Sampaio, entre muitos outros, apelaram à generosidade dos Portugueses por uma causa comum.

 

O valor total angariado, 645 066,89 €, vai ser repartido pela Cruz Vermelha Portuguesa e pela Rede de Emergência Alimentar para compra de bens alimentares e posterior distribuição às famílias mais necessitadas.

» Veja aqui o relatório completo desta iniciativa. Inclui valor doado, número de produtos comprados e número de famílias apoiadas. 

 

 

 

Saldo Bancário

 

1 579 752  €*

Última actualização: 15/04/2020 

 *27 400 € doados pela cadeia Pingo Doce destinam-se ao financiamento do Sistema inovador de "triagem smart" no Hospital da Cruz Vermelha. 

                 

Gestão de donativos

 Donativos CVP1 copy copy

 

Mon

 Donativos CVP2 copy copy

D Es  

Pingo Doce

Imagem1 copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy

PG

Imagem1 copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy

Colgate palmoliveImagem1 copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copy copyMercadona copy copy

 

Factos e números

Live

Veja aqui a atualização, em tempo real, do COVID-19 em Portugal e no mundo. 

 

Fotogaleria

Contactos

Gabinete de Comunicação e Marketing, Sede nacional da Cruz Vermelha Portuguesa

Endereço electrónico: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

  •  Comunicação

Joana Pinheiro |213 913 922 | 918 391 794 

  • Marketing

Marlene Pais | 213 913 950 | 910 045 610 

 

 

 

%PM, %27 %553 %2019 %12:%Nov.

Complexo de Neurointervenção

Resposta integrada e interdisciplinar de apoio às pessoas com demência, aos cuidadores e aos seus familiares.

O que é?

Inaugurado em Julho de 2019, o Complexo de Neurointervenção assume-se, essencialmente e no curto prazo, como uma resposta que promove a assistência às pessoas com demência e o apoio aos seus familiares/cuidadores.

Subsidiariamente, promove a saúde e o bem-estar social, contribui para a investigação científica e fomenta a partilha de informação e a transferência de conhecimento na sociedade. Em simultâneo, aposta ainda na formação de programas específicos que promovam a capacitação de profissionais e de todos aqueles que cuidam as demências, incluindo a sociedade em geral.

Conselho Técnico

Médica Neurologista – Ana Monteiro

Enfermeira Especialista – Joana Ferreira

Assistente Social – Teresa Alves

Objectivos Específicos

  • Desenvolvimento de uma resposta assente num cenário de cuidado da pessoa com demência, pessoal e individual, prevenindo problemas de saúde, cognitivos e familiares;
  • Desenvolver e proporcionar mais serviços na comunidade e menos em contexto de institucionalização;
  • Promover a manutenção da pessoa, preferencialmente, no seu ambiente, ou seja, mantê-la no seu lar;
  • Desenvolver com os recursos necessários a motivação, aprendizagem, exercício e treino da pessoa com demência num meio adequado e por ela aceite;
  • Desenvolvimento de intervenções psicoeducativas aos cuidadores e familiares das pessoas com demência;
  • Facultar informação e facilitar a aquisição de competências para que os familiares e cuidadores possam lidar melhor com a doença, promovendo a diminuição do stress, normalmente associado ás pessoas que cuidam.
  • Contribuir para o desenvolvimento e promoção de projetos de investigação social e de saúde;
  • Contribuir para a elaboração de recomendações e de melhores práticas, baseadas nas evidências recolhidas.
Para este efeito, o Complexo de Neurointervenção assenta a sua actividade em quatro grandes eixos principais, com diferentes ofertas de serviços.
 

CNI quadro geral 281f2 5c1db

 

Contactos

Rua Silva Tapada, 379, Oliveira do Douro
Vila Nova de Gaia

Telefone 220 733 310

Email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

%AM, %22 %494 %2019 %10:%Nov.

Psicologia

Pág. 1 de 229
Powered by jms multisite for joomla